quarta-feira, 29 de junho de 2016

Cantos e encantos!


A música tem um papel fundamental nas nossas vidas... Ela nos faz lembrar de momentos bons e ruins, serve para expressar diferentes sentimentos sobre situações da vida. Também nos faz sentir sensações que, em palavras, seria impossível de se explicar.

Música é uma verdadeira arte que manifesta os mais profundos sentimentos da nossa alma! Não é à toa que, desde bem cedo, as crianças já se balançam ao ouvir um ritmo musical e quantas crianças ao nascerem só dormem ao som de uma música?!

O ser humano é um instrumento desde que nasce. Qualquer batida com os pés, ruído com a boca, batuque com as mãos se torna um ritmo musical. A vida é música, cada som tem uma frequência diferente e uma forma também diferente de causar efeito em cada ouvinte. A música é fantástica!! 

E quem disse que ela não cura!?! I Sam 16:23: “E sempre que o espírito mau, permitido por Deus acometia o rei Saul, Davi tomava a harpa e tocava. Saul acalmava-se, sentia-se aliviado e o espírito mau o deixava”. Vemos neste texto, Saul atormentado por espíritos malignos, e libertado pela música ministrada por Davi com sua harpa.

Eu não consegui me lembrar de alguma música que eu cantei para os meus filhos durante a gravidez, mas sei que cantei, pois sempre gostei muito de cantar. 

Me lembro de alguns corinhos evangélicos que cantei para eles durante a infância. Eis alguns deles:

Soldadinho de Mara Lima:
“Sou um soldadinho, sou militar / De farda e bonezinho, já sei marchar/Soldado não descansa, dorme no chão / Na hora da partida ele faz / Blim bom pororom pom pom
Não usamos espingarda / Nem espada, nem canhão / Nossa força é a verdade / Nosso lema é salvação / Pororom pom pom / Pororom pom pom.

Outra muito especial! Cantei tanto que ficou marcada, eternizada!
"Meu barco é pequeno / e grande é o mar / Jesus segura minhas mãos / Ele e meu piloto / e tudo vai bem / na viagem para Jerusalém / Meu barco sem Cristo ao céu não irá / nas águas afundará / Mas quando Jesus meu barco guiar / aos céus poderei alcançar.”

Tem uma música da época em que eles tinham de dez a doze anos que até hoje me faz lembrar deles. Trata-se de "Conquistando o impossível", de Jamily. Eternamente no meu coração!

"...Campeão, vencedor / Deus dá asas, faz teu voo / Campeão, vencedor / Essa fé que te torna imbatível / Te mostra o teu valor..."

Os dois  gostam tanto de música que até para irem ao banheiro levam o celular ligado em  músicas! Acho que é por isso que demoram tanto no banho! (risos) 

O Mateus toca violão. Ele participa de um  grupo musical da igreja. É bastante dedicado, chega do trabalho e vai direto para o violão. Eu fico ouvindo e isso me deixa muito feliz! O Elias só pousou para algumas fotos com um instrumento musical, só para aparecer mesmo! (risos) Mesmo gostando muito de música, ainda não aprendeu a tocar! 

Enfim, música é, antes de tudo, movimentos, sons, relaxamento. É de grande importância para qualquer idade e se faz necessária em cada fase da nossa vida, estabelecendo laços emocionais e desenvolvendo atividades de interação como verdadeiro estímulo de grandes emoções!


                                                                   (Maria José - mãe dos quase musicais Mateus e Elias)

8 comentários:

  1. Primeiro quero dar os parabéns pelo maravilhoso texto, muito bem escrito, estruturado, desenvolvido, além do recheio que se destaca de carinho e admiração pelo tema e pelos filhos, esses preciosos presentes de Deus.
    Você soube tão bem mostrar, em palavras, o sentido, a necessidade e a importância da música em nossa vida. Em todos os momentos, sobretudo nos bons, a música nos acompanha e deixa suas marcas. Impossível deixar de valorizá-la. Ela é a vida expressa em suaves melodias,
    Acho lindo as pessoas tocarem instrumentos musicais. Eu não tenho habilidade nenhuma, mas meu filho sim, ele toca violão e guitarra...
    Sem ser redundante, mas quero reafirmar que amei seu texto e dizer que ele me inspirou a pensar no meu...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Achei que não tinha muito a dizer sobre o tema, mas acabei envolvida pela música. Foi fluindo e a memória musical da infância deles, surgiu como uma mágica! Foi muito bom relembrar!

      Também não tenho habilidade com os instrumentos musicais, mas gostaria de ter aprendido, aliás, uma das minhas grandes frustrações foi não ter aprendido a tocar violão, piano! ... Mas enfim, não deu! rs rs

      Muuuuuuuuuito feliz pelo seu comentário! Obrigada pelas lindas palavras! Amei!!!

      Excluir
  2. A presença da música na nossa vida é mesmo libertadora... adoro... acalma... me aproxima ainda mais de Deus... serve como catarse... cura mesmo, como você tão bem disse! É capaz de operar verdadeiros milagres...

    Muito legais as musiquinhas cantadas para e com os seus filhotes, rapazes lindos e ainda musicais (ainda que um deles seja uma comédia, bagunceiro... o que posou com o violão sem saber tocar é o mesmo que levita?!? Fiquei curiosa... kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk).

    Amei as fotos! Lindas! Expressivas! Tudo a ver com o texto e com suas doces e musicais lembranças...

    ResponderExcluir
  3. Quando vi o tema, achei que não tinha muito a dizer, mas como você mesma disse a música é libertadora... Depois de pensar em tudo, percebi o quanto foi importante falar sobre a música, o quanto foi lindo reviver momentos tão lindos, que pareciam esquecidos! E o melhor é que pude comentar com eles sobre isso. Foi mágico pra mim, afinal, já se passaram tantos anos!

    Quanto ao bagunceiro que posou com o instrumento musical na foto inicial, foi ele sim, o Elias o mesmo que levita!! Ele é uma figura!

    Obrigada pelo comentário doce a agradável! Mas estou muuuuuuuuuuuuuuuito especialmente grata por você nos ter proporcionado tão lindo tema! Adorei!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todo tema eu acho que não tenho nada a dizer... mas, passado o susto, sempre vai saindo alguma coisa... rs rs rs

      Só entro em pânico porque quase sempre sou uma das primeiras, aí não tenho muita ideia ainda... nem tem como "colar" dos anteriores... Bom é quem posta por último, podendo ir para um caminho que ninguém ainda foi... ou misturando todos os já caminhados... rs rs rs

      Um abraço pro seu bagunceiro, especialmente. E eu que fico feliz por ver vc tão animada e participando de todos os temas. Divulgando o blog... os textos... Uma linda!

      Excluir
  4. Elizabete Sampaio29 de junho de 2016 23:32

    Que texto lindo!A música realmente desempenha um papel muito importante em nossas vidas.Sempre quis aprender a tocar algum instrumento também, mas infelizmente nunca aprendi.Meus filhos estão aprendendo a tocar violão na escola,eles adoram.Sempre que podem, aproveitam a oportunidade para ensaiar tocar e cantar para nós durante os encontros de família, é lindo.

    ResponderExcluir
  5. Sim, realmente a música é uma coisa encantadora, relaxante...
    No primeiro instante nem sabia o que escrever, mas de repente foi fluindo e eu acabei me apaixonando pelo tema!

    Que bom ver os nossos filhos se interessando por música!! Como você disse, a oportunidade de tocar pra família é realmente muito gratificante!!!
    Obrigada pelo comentário!!! Adorei! E estou esperando mais um dos seus lindos textos!

    ResponderExcluir
  6. Lindo ! Quando fiquei grávida queria cantar uma música especial, para cantar todos os dias.Meu marido me ensinou uma e eu cantava quase todos o dia para a barriga, para ele rsrs Achei que quando cantasse quando ele fosse bebê lembraria hehehe Não sei se lembrou, mas cantei muitas vezes também.

    ResponderExcluir

O que lhe veio à mente depois de ler este texto?!? Queremos muito saber!!! Comente!!! Obrigada!!!